Novembro Azul é uma alerta de prevenção para além do câncer de próstata

Veja as cinco doenças mais comuns nos homens e a porta de entrada para a prevenção

O Novembro Azul, iniciado, a princípio, para tratar dos riscos do câncer de próstata, nos últimos anos se amplificou a alerta para a prevenção de forma integral das principais doenças que mais afetam os homens, tais como diabetes, obesidade, infecções sexualmente transmissíveis, além do câncer de próstata. Dados do Ministério da Saúde apontam que no Brasil, quase 40% dos homens até 39 anos e 20% daqueles com mais de 40 só vão ao médico quando se sentem mal.

Assim acordo com a coordenadora da Atenção Primária de Búzios, Patrícia Paixão, o foco atualmente é a abordagem integral da saúde dos homens, estimulando a prevenção precoce de doenças.

As Unidades Básicas de Saúde (UBS) são a porta de entrada para a prevenção, e é na consulta clínica que se estabelece a relação médico-paciente com orientações sobre as doenças comuns ao grupo masculino, além das formas de prevenção e visitas periódicas ao longo do ano. O encaminhamento para exames complementares e rede especializada ocorre após a consulta.

Doenças que mais afetam os homens

Câncer de próstata

A próstata é uma glândula que faz parte do sistema reprodutor masculino. O tumor nessa região é o segundo que mais mata no Brasil, ficando atrás apenas do câncer de pulmão. Em Fortaleza, de janeiro a setembro de 2022, foram 104 óbitos pela doença.

Sobrepeso e obesidade

O Ministério da Saúde (MS) calcula que no Brasil 22,35% dos homens são obesos e quase seis em cada dez estavam com sobrepeso em 2021. O acúmulo exagerado de gordura corporal contribui para o desenvolvimento de problemas cardiovasculares, diabetes e aumento da pressão arterial.

Doença cardiovascular

Caracteriza-se pelo endurecimento das artérias causado por placas de colesterol que bloqueiam o fluxo de sangue no coração e no cérebro, podendo provocar um Acidente Vascular Cerebral (AVC) ou Infarto Agudo do Miocárdico (ataque cardíaco).

Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs)

As Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST) são causadas por vários tipos de agentes e propagadas principalmente, por contato sexual sem o uso de camisinha, com uma pessoa que esteja infectada.

Prevenção

A medida mais eficaz para a prevenção dessas doenças é a adoção de hábitos saudáveis, como não fumar, controlar o peso, praticar atividades físicas regularmente, alimentar-se de forma adequada e evitar bebidas alcoólicas.

Entre os cuidados básicos de promoção à saúde do homem destaca-se: realizar exames adequados para faixa etária; verificação da pressão arterial; verificação das medidas antropométricas como: peso, altura e circunferência abdominal; e a atualização da carteira vacinal.

Sua Solicitação foi enviada com sucesso!

Sua conta foi criada com sucesso