Panorama epidemiológico sobre a COVID-19 em Búzios

Panorama epidemiológico sobre a COVID-19 em Búzios

Desde a confirmação do primeiro caso de COVID-19 no Brasil, no dia 25 de fevereiro, a Prefeitura de Búzios começou a tomar medidas para retardar a chegada do novo coronavírus na cidade. Medidas de prevenção foram adotadas, campanhas educativas foram criadas, e informações diárias começaram a ser divulgadas sobre a pandemia, gerando novos hábitos. Comércios, hotéis e pousadas, fecharam suas portas. Cuidados redobrados com a higiene pessoal e palavras como isolamento social, distanciamento entre as pessoas, uso de máscaras, passaram a fazer parte do cotidiano comum de famílias inteiras.

A prefeitura adotou importantes ações sanitárias, realizando a vacinação contra a gripe em casa para idosos, isolamento de grupos de risco, a triagem de pacientes nas unidades básicas de saúde, testagens em casos suspeitos, aquisição de respiradores e equipamentos de proteção para as equipes da Saúde, além de criar uma área exclusiva no Hospital Municipal Rodolpho Perissé para o acolhimento dos casos de COVID -19.

No dia 13 de abril, o Prefeito André Granado, que também é médico, anunciou para a população, a confirmação do primeiro caso de COVID-19 em Búzios. Até a presente data, a cidade registrou 823 atendimentos. São cinco (05) casos confirmados com a COVD-19 e todos estes casos estão classificados, atualmente, nas categorias leves e moderadas.

A faixa etária dos que testaram positivo está entre 25 e 47 anos, sendo três (03) do sexo masculino e dois (02) do sexo feminino. Os casos estão distribuídos nos bairros do Cruzeiro, Tucuns, Bosque de Geribá e Manguinhos. Quatro estão em isolamento domiciliar rigoroso e com monitoramento constante. Um caso está em isolamento hospitalar, por descumprir as regras sanitárias do isolamento domiciliar. Moradores próximos e familiares que tiveram contato direto com os casos confirmados, também estão em monitoramento e isolamento domiciliar.

A grande maioria dos pacientes declarou os seguintes sintomas:

Anosmia: incapacidade de sentir odores; perda do olfato;

Mialgia: dores musculares;

Cefaléia: dor de cabeça;

Dispnéia: dificuldade para respirar; falta de ar;

Dor de garanta e febre.

Comentários do Facebook
FECHAR ACESSIBIILIDADE